quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

A solidão humana...

..
.
A solidão humana aumentará em proporção direta 
ao avanço nas formas de comunicação.
.
.
[Werner Herzog]
..
.
Será?
.
.Fiquei refletindo sobre essa frase durante o dia.
.

Foto: Paulo Madeira -  br.olhares.com
.

28 comentários:

Majoli disse...

Oi meu querido, penso o seguinte em relação a essa frase:
Com o relacionamento virtual, muitas pessoas vão deixando de lado o gostoso da vida, que é o contato direto com seu semelhante...passam a viver tudo no virtual...passam a ter medo do real...e isso é muito triste.
Beijos Hugo.

Luna Gandra disse...

Claro, pois os humanos vão suprindo as suas necessidades com pseudos-remédios. Jogos, bate-papo... Daqui a pouco as crianças aprenderão a teclar primeiro que a falar.

Wanderley Elian Lima disse...

Não tenho dúvida disso.
Bjão

Mila Lopes disse...

As formas de comunicação estão cada dia mais avançadas, conheço jovens que vivem no isolamento, mas segundo eles não é isolamento ficar no seu quarto no PC por horas, de certa forma não é, mas o ser humano precisa do contato, principalmente da família...

Bjs

Mila

Serginho Tavares disse...

Com certeza!

O Antagonista disse...

Até agora, tá fazendo sentido... Para mim, é exatamente isso que está acontecendo.

Valeu.

Fatima disse...

Depende de nós!
Bjs.

Isadora disse...

Hugo, interessante reflexão e acho que concordo.
Hoje dispomos de tantas formas de comunicação virtual que temos que nos preocuparmos em não esquecermos pequenos gestos como ligar para um amigo e não passar uma mensagem. Ligar nos aniversários ao invés de enviarmos um SMS.
Muito o que pensar sobre a reflexão.
beijos

Vivian disse...

...Hugo querido,
embora saibamos que a modernidade
nos trás muito conforto, não
devemos nos esquecer que a
essência humana sempre será
movida ao toque, ao olho
no olho, feitos que
qqr máquina por mais
sofisticada que seja
jamais substituirá!

por isso sentimos cada
vez mais invasiva a
solidão nos fazendo
reféns!

bj

ϟ ƒααвy ϟ disse...

Oiee, estou te seguindo.. me segue tambem?
http://bloggerfaby.blogspot.com/
Obg *-*

ϟ ƒααвy ϟ disse...

Oiee, estou te seguindo.. me segue tambem?
http://bloggerfaby.blogspot.com/
Obg *-*

Sonia disse...

Não há dúvidas! Já dá pra sentir os efeitos...


Bom dia Hugo!

EDER RIBEIRO disse...

Vou discordar da maioria. Penso que não é o meio que vc usa para se comunicar que lhe fará solitário, pois qtos antes do advento da tecnologia se sentiam solitário. A solidão advém da maneira como vc se enxerga no mundo que vive, pq, afinal, td deve ter uma regra, e saber usar o seu tempo para o convívio, seja no virtual ou real, é a regra básica. Abçs.

Cacá - José Cláudio disse...

Isso já vem acontecendo a passos aceleradíssimos, a meu ver, Hugo! Basta observar as preferências (ou opções) de relacionamentos. Cada vez mais virtuais e menos feitos de calor humano, do olho no olho, do sair juntos, da família se reunir, da questão de presença física, da intolerância que acontece quando há muitas pessoas reunidas. Infelizmente, o que era para ser o contrario, está se revelando um afastamento humano inexorável.
Abraços. Paz e bem.

"Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros.
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considero a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.

Não serei o cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer, a paisagem vista da janela,
não distribuirei entorpecentes ou cartas de suicida,
não fugirei para as ilhas nem serei raptado por serafins.

O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes,
a vida presente."
(Mãos Dadas - Drummond)

Franck disse...

Intenso e reflexivo! Ficarei com minhas elucubrações sobre esse post...
Bj*

Franck disse...

INtenso e reflexivo...Fico com minhas elucubrações sobre esse post...
Bj*

Abraão Vitoriano disse...

um fato triste,
já que tantas pessoas preferem se vestir em frente as câmeras a encarar a vida nos seus toques de realidade.

beijos,
do menino-homem

fique com Deus!

Graça Pereira disse...

Meu Querido

Sem dúvida!!! E falo por experiência! Desde que entrei nestes meandros da Net com Blog e FB, reduzi o meu convívio com os amigos que já começaram a reclamar.
Temos um grupo fantástico que toma o café da manhã junto e ficamos depois numa conversa informal, onde cada um,põe um pouco de si. A seguir fazemos uma caminhada... E eu estou a deixar ficar tudo isto para trás...È bom ter o blog porque adoro escrever e foi óptimo conhecer amigos de todo o mundo e estar com eles de outra forma. No FB encontrei amigos de Moçambique dos quais já não sabia (alguns) há mais de 40 anos...Foi uma alegria imensa...
Mas a frase do teu post voltou-me a pôr contra a realidade.
Não podemos ser o "Oito ou Oitenta" então há que organizar o nosso dia com horas para tudo, como eu fazia quando era estudante. Tinha um horário a que obedecia totalmente.
E noto tb que estou a relegar muito a leitura de livros que foram sempre primazia na minha vida... Algo está errado mas, vou inverter tudo isto para que saia ganhando em todos os aspectos. Beijos e obrigada por me pores a reflectir.
Graça

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Amigo,Hugo.A tecnologia não para mais,acho que o mundo nem vive mais sem.Deixar-se levar por isso vai de cada um.Eu mesmo tenho saudade de escrever uma carta à mão por exemplo. O resto, sensibilidade está dentro da gente, mesmo com toda a informática ao lado. Um abraço

William Garibaldi disse...

A solidão humana aumentará em proporção direta ao avanço nas formas de alienação...

É pensativo o pensamento!

Abraço Hugão!

ONG ALERTA disse...

Verdadeiro e sábio, o humano daqui um tempo nem precisará falar...
Abraço Lisette.

Lou Alma disse...

Olá Hugo, eu acho que é essencial sabermos balancear as coisas, vida real e virtual e tirarmos o melhor dos 2 mundos. Evitar a solidão e o egoismo que pode vir associado .

Quero te pedir desculpa...pelas minhas ausëncias, você entende, não é ?

Elaine disse...

A vida ficou acomodada em uma cadeira e uma tela. Creio a solidão é questão de escolha. Montão de bjs e abraços

Carla disse...

É verdade, embora os relacionamentos pareçam estar facilitados pela tecnologia, ficaram muito superficiais e não preenchem as nossas necessidades; são ilusórios...
Por outro lado, agora me veio uma ideia torta: esta falsa aproximação, em qualquer hora, em qualquer lugar (redes sociais, especialmente) não tornaria mais explícitas as diferenças interpessoais e a intolerância?

Um abraço!

Lúcia Soares disse...

É uma afirmação importante e é real, Hugo.
Cabe a vocês, mais jovens, mudar isso.
Interagir não é apenas "agir entre", mas "agir com" (inventei agora...rsrrs). Tudo fica melhor sendo compartilhado olho no olho.
Beijo!

Adriano Berger disse...

Palavras mais do que sábias. O avanço nas comunicações fará do homem um ser mais solitário, mais conhcedor e menos humano em sua essência...

Abraços,
Adriano

Psicologia 4u disse...

Infelizmente parece que está na moda aqui no meua pais falar da solidão. Apareceram mais de 4 casos de idosos encontrados sem vida em casa, um dos quais esteve 9 anos sem ninguem dar pela sua falta :( Escrevi um artigo sobre a solidão, que acabo de publicar no meu blog e que explica um pouco a Solidão e as suas causas mas numa perspectiva Psicológica e Social. deixo aqui o link (http://www.psicologia4u.com/a-solidao-numa-perspectiva-psicologica-e-social/) Espero que possa ser de interesse.

Daniel Savio disse...

Ou pelo menos, cortara os laços de contato físico com as outras pessos...

Fique com Deus, menino Hugo.
Um abraço.