terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Lucidez em excesso


Estou sentindo uma clareza tão grande que me anula como pessoa atual e comum: é uma lucidez vazia, como explicar? assim como um cálculo matemático perfeito do qual, no entanto, não se precise. Estou por assim dizer vendo claramente o vazio. E nem entendo aquilo que entendo: pois estou infinitamente maior do que eu mesma, e não me alcanço. Além do quê: que faço dessa lucidez?
.
Sei também que esta minha lucidez pode-se tornar o inferno humano — já me aconteceu antes. Pois sei que — em termos de nossa diária e permanente acomodação resignada à irrealidade — essa clareza de realidade é um risco. Apagai, pois, minha flama, Deus, porque ela não me serve para viver os dias. Ajudai-me a de novo consistir dos modos possíveis. Eu consisto, eu consisto, amém.
.
.
[Clarice Lispector]
.
.
Foto: José A voz do silêncio - br.olhares.com
.

26 comentários:

EDER RIBEIRO disse...

Por maoir clareza que possamos sentir em relação a nós, nunca nos satisfaremos, pois a completude humana é impossível. Abçs.

romantic disse...

menino adorei bjos!

Fatima disse...

Eu consisto, eu consisto, amém.

Bjs querido.

Vivian disse...

...eu consisto
eu consisto!!!

amém!

bj, querido!

Lorena Rocco disse...

Clarice não tem comparação.
Concordo, a lucidez as vezes irrita.

;*

Renato Orlandi disse...

queria compreende-la inteiramente!

William Garibaldi disse...

Grande postagem Hugo!

Eu sinto que vives a mesma lucidez a qual Clraice ( A Mestra ) Lispector se refere no texto...

Dizem que os ignorantes são mais felizes..
mas eu sou daqueles que dão um olho para ver!.. Feito Odim!

Que Odim desperte em você a cura... da dor de ver o mundo como ele é.. e a força para vê-lo como ele deveria ser.. e o sonho de recria-lo como ele deveria ser para você!

Nossa! Essa veio lá do Útero!

kkkk

Saúde e Sorte! Belo Post!

Graça Pereira disse...

Querido amigo
Para já, deixa-me dizer-te como essa foto é tão linda...talvez tambem demasiado lúcida!
A lucidez em demasia é como estar numa sala escura e ver o filme da nossa vida, com um realismo que angustia e com um futuro que não sabemos fazer com ele e o futuro fica tão perto...demasiado perto!
Beijo e boa semana.
Graça

Lis disse...

Foto muito linda Hugo e Clarice Lispector sempre poderosausando as palavras de modo lúcido e real.
tudo em excesso pode causar o transbordar...
abraço Hugo
uma noite linda pra voce.

Danilo Moreira disse...

A lucidez esclarece nossos problemas com a mesma intensidade que nos amedronta diante deles.

Gde abraço!!!

Qdo puder:

http://blogpontotres.blogspot.com/

Delírio - Compre! Pague!

Elaine Barnes disse...

A perfeição não existe para esse mundo. Oscilamos e crescemos. Montão de bjs e abraços

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Hugo
Os textos da Clarice, sempre nos leva à várias reflexões. Amei.
Bjux

Marcelo mendes disse...

Clarice foi e sempre será uma grande escritora, adorei o post

Sandra Botelho disse...

Amo Clarice, Suas palavras são fortes e verdadeiramente tocantes.
Bjos achocolatados

Daíse disse...

Linda imagem!!!
Lindo texto!!!
Perfeito, como sempre!!!
Bjo!

Will Monteiro disse...

Amo a forma como Clarice entrelaça as palavras, ótima escolha =D
=*

Madre Madalena da Santíssima R.A. disse...

Querida Alma Magra em Cristo
Resolvi seguir o seu blog devido as lindas postagens!
Santo Ósculo em seu coração!

Afrodite disse...

O que acrescentar qd falamos de Clarice?Nada,né?
Beijo!

Sonia disse...

Eder tem razão...mas Clarice é maravilhosa!

Bom dia Hugo!

Maria Dias disse...

Essa mulher estava além de sua geração...Q cabeça pensante maravilhosa!

Obrigada por ter ido ao meu Avesso...Fiquei tocada com seu comentário!

Beijos e ótima semana.

Flor de Lótus disse...

Oi,Hugo!A lucidez como qualquer outra cosia em excesso também é um pouco prejudicial...
Clarice para mim é sempre uma leitura desafiadora...
Beijoss

Gusta Fernandes disse...

Clarice é sempre Clarice!

As angústias, alegrias, incógnitas da sua própria alma, revelam os segredos das nossas. Ela é fantástica!

Abraços!

Abraão Vitoriano disse...

"Apagai, pois, minha flama, Deus, porque ela não me serve para viver os dias"

clarice é ícone maior de sensibilidade
e se dela me ausento em minutos
logo o arrepio
e o sentido original
me faz captar
a medula das coisas
clarice está em tudo
que é vida:
copo de plástico que serve para aguar uma rosa escarlate

beijos, hugo
intenso é existir!

do homem-menino

fique com Deus!

CYWMARA WADISQUY disse...

TIA CLARICE....adoruuu

Diogo Didier disse...

Como é bom ler Clarice neh?!

PERFEITO!

Daniel Savio disse...

Bonito, mas com certeza esta flama serve para nos incentivar os dias...

Fique com Deus, menino Hugo.
Um abraço.