quinta-feira, 8 de outubro de 2009

E s p e r a n ç a

.
A esperança não murcha, ela não cansa, também como ela não sucumbe a crença. Vão-se sonhos nas asas da descrença, voltam sonhos nas asas da esperança.
.
[Augusto dos Anjos]

46 comentários:

Maria Dias disse...

E sem ela eu não vivo e se vivo é com ela...E viva a esperança!

Beijos

Maria

Zek disse...

Quem brasileiro é, quem por estas terra dança, quem um dia ja foi criança.... Sabe que o pão de cada dia é a esparança.

Adorei a citação.


Abração

(Carlos Soares) disse...

A esperança habita em mim,amigo Hugo. É a mola propulsora do homem. Um abraço

Fabiano Mayrink disse...

belo poema...

Ives Nelson disse...

Perfeito Hugo! E coube muito bem com o momento que estou passando!

Ryan disse...

Por mais triste que possa parecer, eu já perdi a esperança muitas vezes! Mas alguém sempre trás ela de volta pra mim...

Paulo R. F. Braccini disse...

a esperança é o mote do VIVER ...

e viva Augusto dos Anjos ...

bjux

;-)

.Lis disse...

Ouvi sempre dizer "nao mate a esperança" ...

Valdeir Almeida disse...

Vivemos de esperanças.

Se não a tivermos, somos morto-vivos.

Abraços, Hugo.

Uerlle Costa disse...

Ela sempre vem...

Juliano disse...

Simples, Lindo e Perfeito.!

Abraços Hugo e ótima quinta feira para você.!

Marcelo Mayer disse...

escarro!

Poly_andra disse...

post lindo!
augusto doa anjos tem textos muito profundos *-*

=* abraço

Everson Russo disse...

É o alimento que nos resta nessa vida, sempre ter esperanças....abraços amigo, e uma bela tarde.

Lú Silva disse...

Hugo que fofo! Amei a reflexão!!!!
Minha mãe semrpe que ve uma esperança fica toda toda...rsrsr


bjos

' isaa * disse...

sempre há uma esperança, por menor que seja. quer dizer, pelo menos deveria ter.
beijos !

Andrea disse...

Hugo, entrei pelo acaso e pelo acaso fiquei...

adorei aqui..lindo pensamento de Augusto...:)

Abraço
Andrea

Little Pet disse...

a esperança faz de nossas vida uma coisa muito melhor...
bjus

ps. donde vc é?! to pra te perguntar faz tempo.

Wanderley Elian Lima disse...

Quem não tem esperança não vive.
Bjs

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, Hugo!
Como vai, melhorou? Quero sempre notícias, vc sabe disso, não? Bom, vamos ao seu post, hoje com o nosso Augusto, que ama escarrar na boca que lhe beija (adoro isso). Sabe que um dos vários "caminhos" pelos quais eu trilho nesta vida, passa por esta máxima, que jamais saberei se a ouvi ou inventei:
"A Esperança é a última que morre e a primeira que renasce". Anteontem, tive um dia maravilhoso, ontem, horroroso, hoje, estou em paz. A Esperança morreu, como o inseto de mesmo nome quando se apaga, renasceu, quando o bichinho volta a brilhar. Você sabe a origem da "Esperança"? Por certo que sabe, mas vou recontá-la, como a recontei na Vivi. Vem de um mito. Trata-se de Pandora, que foi a primeira mulher que existiu, criada por Hefaístos e Atena. Cada Deus do Olimpo lhe concedeu um bem. Hermes, no entanto, lhe pôs no coração o dom da traição e da mentira. Feita à semelhança das deusas imortais, Zeus a destinou à espécie humana, como castigo por os homens terem recebido de Prometeu o fogo divino. Pandora foi enviada a Epimeteu e estava proibida de receber presentes divinos. Só que Epimeteu possuía um cofrinho lindo, que fora dos deuses, contendo todos os bens. Pandora não resistiu, abriu o cofrinho e os bens escaparam. Por mais rápido que tentasse fechá-la, só pode manter um único: a Esperança. E, desde então, todos os homens foram afligidos por todos os males e correm atrás da esperança para encontrar a cura, o amor, a bondade, a justiça. Entenda-se de que falo dos homens do bem.
E sempre que leio a obra inédita de Victor Hugo, CONVERSANDO COM A ETERNIDADE, eu me pergunto: Será que o universo físico não é nada além do que uma prisão, como um guarda-roupas? Será que todos nós nascemos na penitenciária-Terra para expiar uma falta cometida numa vida anterior? Mas acho que sou como a humanidade que corre atrás da Esperança como se ela fosse uma borboleta. Às vezes, consigo pegar uma.
Beijos,

Cris França disse...

Esperança a última que morre...nossa essência. bjs

railer disse...

esperança é a última que morre. às vezes ela morre, mas é sempre a última. heheh

Judite (Dite) disse...

Sem esperança, não alcançamos os nossos objectivos!
Será sempre a última a morrer!Um beijo,
Judite

Princesa disse...

Obrigado pela visita

e por fazer parte dos meus amigos.

Os amigos marcam,

a andar,

o ritmo do Universo,

compasso vivo

que marca o tempo

e o andamento

do amor...


Beijinho

Katrina disse...

É de esperança que esse povo enche a pança

Emerson Souza disse...

Augusto dos Anjos é necessário.
Abs.

continuando assim... disse...

e quando morre?? :( :(

beijo
teresa

Luciana disse...

Palavras simples e belas, parabéns pela postagem
Uma ótima quinta feira
Bjs

Talita Prates disse...

Eu só tenho medo da ilusão.
Mas esperança é bem-vinda.

Bjo!

Caroline Farias disse...

Tãoo lindo e significativo!

beijo ;*

Duanny!. disse...

tem selinho pra você no blog
;*

Alma inquieta disse...

Olá querido Hugo!

Que seria de nós sem esperança...,
no Ser Humano..., num Mundo Melhor!?

Um beijo enorme!

Sandra disse...

Ola Amigo!
Também escrevi algo sobre a esperança.
Acho que estava precisando mesmo.

Deus abençõe vc.
Com muito carinho
Sandra

Vivian disse...

...pobre do homem que se
despe deste verde tão essencial.

Hugo meu lindo,
vc é tão feliz em seus
posts!!

adoro

beijos, querido!

Serginho Tavares disse...

dizem que ela da sorte
me refiro ao bicho mesmo...

tossan® disse...

Ela é a última que morre por isso não podemos desistir da nada! Abraço

Marcelo Novais disse...

Ainda teho esperança de que as coisas vão melhorar pra mim amigo!
Bjos!

Vagner Lopez disse...

É como se diz: "A esperança é a última que morre"

Sobre o post do Livro: O Menino de Pijama Listrado, eu assisti ao filme (adoro filmes que relatam acontecimentos da 2ªguerra). O filme, sem qualquer exagero, é muito bom.
Não sabia que havia o livro, já vou correr atrás.

Grande abraço, meu amigo. Obrigado por sua importante visita.

Bia Maia disse...

A esperança...ah....a esperança....ela é a última que morre....e lhe digo o mais:
A minha não morrerá NUNCA!

Beijos e lindo feriado !


Biazinha

Ausência Instável disse...

Costumo dfizer que a esperança é um sonho que nunca deixara de morrer, porque na vida vc nunca deixa de fazer planos !!!!


BEIJAOOO AMIGO!!!
Obrigado pelas visitas!!!
Bom final de semana!!!

Germano Xavier disse...

O poeta do hediondo nem tão hediondo assim, falando em esperança...

Continuemos, Hugo...

Machado de Carlos disse...

Agradeço-lhe pela visita ao meu singelo blog e pelo comentário também. Estamos sempre presente.

Sanzinha disse...

E que jamais percamos a esperança! ;)
Gostei do seu post sobre o livro "O Menino do Pijama Listrado". Eu só vi o filme e chorei horrores.
Tenho um blog sobre livros

(http://judithle.blogspot.com/),

quer mandar seu post pra lá como sugestão? Publico com todos os devidos créditos.

Beijo, querido! Ótimo fim de semana!

TiTó disse...

Gostei do pensamento :)

Bom fim de semana

Beijinhos grande***

A Madrasta Má disse...

Ainda bem que tem asas, né meu queridão? Obrigada pelo carinho nas comemorações do meu niver!
Bjinhos da Madrasta!

Daniel Savio disse...

Mesmo que a nossa asas pareçam insuficiente, temos de lembrar que a nossa alma é leve, por isso não deveriamos ter muito esforço para voar em direção aos nossos sonhos...

Fique com Deus, menino Hugo.
Um abraço.