domingo, 9 de agosto de 2009

P a i !



Não tenho boas lembranças durante esse dia, mas sempre gosto de refletir o porquê um Pai negou a compartilhar esse laço tão significante na vida de um filho.
Durante 19 anos, o homem que deveria esta ao meu lado enxugando minhas lágrimas e contando histórias para eu dormir, simplesmente renegou de forma não crua e nua. Nem mesmo um olhar eu ganhei durante esses anos.
Minha mãe a fim de provar sua dignidade, entrou com uma ação judicial para o reconhecimento da paternidade. Tarefa difícil, pois, o processo sempre parava por conta da grande influência que ele tinha no meio judicial.



.
Ser pai é uma escolha, ser filho é um direito.



.
Quando eu completei 18 anos, assumir o processo e logo em seguida o juiz que acompanhava o caso solicitou o exame de DNA, que comprovou o que durante anos minha mãe afirmava e ele negava. Eu acabava de completar 19 anos, quando o processo chegou ao final.
Logo após, começamos a nos relacionar. Ele me pediu perdão e eu dei... No fundo eu queria era tentar recuperar o tempo perdido, mas o destino foi duro com ele, pois, 02 anos depois ele morreu. Por ironia do destino o único filho presente ao seu lado nos últimos minutos de sua vida fui eu – o filho que ele renegou.
Por ele não sinto ódio ou rancor, nada disso. Sinceramente eu não sei o que sinto. Às vezes fico pensando nas dificuldades que passei e nas lágrimas que derramei... Talvez se ele existisse em minha vida, poderia ser diferente.
Eu cresci... E não houve outro jeito. Aprendi com o mundo a batalhar por um lugar ao Sol.



.
Desejo a todos os pais, felicidades!

39 comentários:

Hiago Rodrigues Reis de Queirós disse...

Cara.. que legal, obrigado por seguir o -H-FalanTe!

Vou listar teu blog na minha lista de futricações e sempre estarei aki, comentando...

meu pai morreu nas ruas de SP, como mendigo.. era um bêbado idiota, (veja: http://hfalante.blogspot.com/2009/05/participe.html) mas, feliz dias dos pais pra vc...

bom domingo!

eugenia disse...

Ain ..ameei ...
umaaa bela liçãoo dee Vidaa !

' isaa * disse...

feliz dias dos pais a todos !
:D
beijos !

FOTOS-SUSY disse...

QUERIDA AMIGO, FIQUEI TRISTE COM A TUA HISTÓRIA DE VIDA... EU TAMBÉM TENHO JÁ NÃO TENHO PAI, FALECEU E POR CAUSA DA MORTE DELE SOFRI MUITO... MAS NESTE DIAS VAMOS LEMBRARMO-NOS DELES COM CARINHO...
VOTOS DE UM DOMINGO FALIZ... BEIJINHOS DE CARINHO,
SUSY

rafaela disse...

AIN..Amigooo essa História..é muito triste..i emocionantee...:(

Jaquelyne A. Costa disse...

Querido Hugo,

Pode ter certeza que tem um PAI que zela por ti
um PAI que te ama incondisionalmente

Um PAI que nunca recusa um filho.

__---_____-----_____-----_______

Teu blog ´´e muito bom e inteligente!
Estou te seguindo!

Um beijo em tu coraç~~ao

Latinha disse...

Pois é... muitas vezes acreditamos que sabedoria tem a ver com tempo vivido... infelizmente teu pai não soube lidar com as coisas provavelmente... e você, tão jovem, teve maturidade e sabedoria para recebe-lo da forma como ele provavelmente nunca soube como fazer com você...

Que bom que puderam passar esse tempo, que bom que antes de partir ele pode aprender essa lição com você... o resto, são as famosas ironias da vida.

Feliz Dia dos Pais! ;-)

Seja bem vindo e volte sempre, o bloguinho não anda lá no melhor momento... mas eu estou sempre por lá! Abração e muito prazer!

Humana disse...

Cresceste sim querido Hugo e aos meus olhos estás cada vez maior!
Nunca queiras sentir ódio.O ódio só faz mal a quem o sente.Sei do que falo mas já passou há muito tempo.A vida dá-nos grandes lições.
Um xi-coração apertadinho. ;D

PS - Aqui em Portugal o dia do pai é a 19 de Março

Germano Xavier disse...

Cada qual com sua história.

Abraço forte, meu caro.
Continuemos...

Poeta Mauro Rocha disse...

Ola!! Feliz dia dos pais para todos os pais de sua familia.

Abraços!!

Tenha um ótimo domingo.

paula barros disse...

Uma estória que entristece e emociona.

bom domingo

Mahria disse...

Uma estória que entristece e emociona, como disse a Paula. Mais foi e é a sua vida. Parábens por ser um homem de bem apesar de algumas circustâncias q a vida lhe impôs. Parabéns tbm a sua mãe q durante uma vida foi seu pai tbm.


Bjinhs!

.Lis disse...

...E, voce tirou isso tudo de letra, tá aí ,valente, enfrentando sem medo sua história de vida, indo pra frente... que importa o que ficou lá atras? Perdeu ele e nao voce!
Pais fazem falta ,eu que o diga que tinha o meu por perto,mas nao fomos felizes um com o outro,hoje ,coloco minhas culpas pra fora e vou seguindo.
Nao se amofine, sua vida é linda e será o melhor pai do mundo, no seu tempo.
Lindo blog, vou acompanhar.

Lorena Leina disse...

oi. Que legal que me achou. Sou professora de língua portuguesa para jovens e adutos, vai ser ótimo ter contato com um pedagogo. Vou te acompanhar demais.
?Para falar sobre seu post: também nao tenho meu pai perto de mim e hoje foi o primeiro ano que nao estou com ele. to tentando driblar a tristesa.
parabens pela sua perseverança.
até mais.

Hod disse...

Aloha amigo Hugo,

Superação!!! Super_ação!!

Palavras do Dualibi da DPZ:

"Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez...""!!

Tri legal vc estar seguindo O Olhar de Carpe Diem..passo a segui-lo, porque seu espaço é rico e quero ler cada postagem.

Seu domingo esta sendo como o meu..abundantemente abençoado...
Forte abraço!!

Aloha!!

Hod.

Joana disse...

Antes de mais, quero agradecer a visita ao meu blog.
Li a sua história e fiquei emocionada! Na vida tudo tem uma razão...
Abraço.

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Hugo, "No meio do caminho tinha uma pedra...", disse Carlos Drummond.
Salte esta pedra no meu do seu caminho e siga enfrente para ser feliz.
Obrigado pela visita ao meu blog e por estar me seguindo.
bjs

nounouse disse...

Oi Hugo, to aqui fazendo uma visita ao teu blog, achei ele mto bacana e olhe, suas palavras foram apesar de sofridas, reais, mas te desejo forças pra seguir em frente!!! Abraço!

Nanes! disse...

Oii Hugo..

Obrigada por ter passado la no blog, e fico mto feliz q tenha gostado e esteja segundo.. tanks tanks

cuide-se!!
ps.: tbm gostei do teu blog =*

Joanabell disse...

Sua historia,faz a gente repensar tb nosso papel de filhos e filhas. Vc cumpriu o seu papel de filho enquanto teve c ele,o pouco tempo q teve,isso é o q importa.Vc o fez!

Carla P.S. disse...

Que bom que vocês puderam, ainda que por pouco tempo, recuperarem um pouco da ligação, nessa vida ainda. Que bom que ele se arrependeu, e que tu pôde provar o quão bom filho és.
Isso que importa. A vida vai passando, as coisas que nos acontecem nos deixam profundas marcas, mas no fim somos nós que decidimos o que fazer com elas. Pelo o que pude ver tu fez escolhas salutares, parabéns!
Meu pai é vivo, a propósito, mas nunca foi um bom pai. Separado de minha mãe, ficamos já anos sem nos falarmos. Agora tá tudo melhorando, eu acho.
Um cafézinho pra ti moço, e estás linkado tbm.

Cadinho RoCo disse...

Pelo crescimento pessoal compreendemos e superamos as adversidades impostas a cada um de nós.
Cadinho RoCo

Eric R. disse...

Ola meu caro.Bom tive uma experiência de vida parecida com a sua,mas creio que o que realmente importa,apesar do sofrimento e de angustias que passamos, é o que nos tornamos...E concerteza vc ja tem um lugar ao sol.
Obrigado pela vizita a meu blog e pelo gentil comentário.
Esteja a vontade para voltar sempre e estarei por aqui também.
Parabéns pelos textos.
Tudo de bom .Abraço !

Solange Maia disse...

Hugo,

Sei o quanto deve ter doído essa questão com seu pai, mas ali adianta a gente acaba descobrindo que cresceu mais sólido, que aprendemos a dar mais valor às emoções, aos sentimentos, ao afeto...

Preste atenção... de alguma forma a vida sempre compensa a gente...

Se pudesse te dava um abraço bem forte agora... um abraço pelo texto maravilhoso, pelo homem que és, e pelo futuro lindo que sei que terás....

Beijo na alma,

Solange

http://eucaliptosnajanela.blogspot.com

Blog do Óbvio disse...

Meu amigo, sua história teve um início triste, contudo um final muito feliz. Você teve uma experiência de vida que poucos tem. Saiu um vencedor. Claro que ficam algumas sequelas, porem voce cumpriu dignamente a sua responsabilidade. Veja com que orgulho você pode dizer que não guarda rancores e que esteve ao lado do pai biológico até o fim. Deus abençoe você. Tudo isso vai lhe proporcionar ser uma pessoa muito feliz. Foi um exemplo de vida esse testemunho seu. Um abração. Manoel.

Kyria disse...

Obrigada pela visita e pelo comentário carinhoso, me fez muito bem, sempre estarei aquí, bjs

Everson Russo disse...

Emocionante sua historia meu amigo, a parte mais bela ficou por conta do perdao...forte abraço e uma semana de paz.

Kyria disse...

Felicidades procê também meu amigo, que embora com o coração triste e com lágrimas nos olhos soube procurar o caminho. Que Jesus te ilumine e ao seu pai aonde estiver. Bjs

Tyna disse...

Que história emocionante...
Também sou mãe solteira, me filho hgoje tem dois anos, seu pai, o viu quatro vezes na última vez (Nov/2008) ele mostrou um arinho imenso, paesar de ele não carregar seu nome na certidão de nsac.
Mas sumiu novamente, meu filho tem sua cara e pelo na minha frente ele nunca levantou a hipótese de que meu filho não fosse dele.

Enfim, a justiça é algo que não corre muito a meu favor,mas vou esperar assim mesmo, e pédir pra que Deus coloque juízo na cabeça dele...


Beijos menino e parabéns por se tornar alguém de bem... Enfrentar essa situação de forma madura

Com certeza sua mãese orgulha de você.

fátima disse...

obrigada pela visita! estou lendo aos poucos o seu blog, e gostando! você é uma pessoa sensível, carinhosa...

bj

Babi Mello disse...

Hugo, obrigado pelo comentário no meu blog, obrigado por me seguir, obrigado por me colocar na sua lista de blogs e por fim li sua história e não sei o que dizer, só que nada na vida acontece por acaso e vc teve uma atitude divina, próprio daquelas pessoas que tem Deus no coração, perdoar significa ser uma pessoa do bem e estar ao lado de seu pai nos últimos momentos da vida dele só prova que você é uma pessoa abençoada e isso ninguém vai tirar de você, o fato de ter sido você, a última pessoa que ele viu.
Você tem o seu lugar guardado no céu.
Isso é muito bom.
Abraços!

G I L B E R T O disse...

HSLO

Tua história de vida é belissima... Mas o que há de mais belo em tudo isso, é o perdão que tu destes...

Tua luta, foi árdua e justa!

Teu perdão, foi belo e serviu para encurtar distâncias.

Choro por ter tido tão pouco tempo de ter um pai por perto...


Alegro-me que, mesmo depois do que tu passastes, tu ainda valoriza tanta a paternidade e tudo o que ela representa...

Parabéns, meu mais novo amigo!

Giselle Costa disse...

Oi Hugo valeu por compartilhar seus pensamentos. Acredito que nada é por acaso... olha ai ! você se tornou um cara super legal, responsável... batalhador. Curta seu momemneto e valorize os que estão ao seu lado, essa é uma bela lição de vida.

Abs, esto uenrtando na sua lista de seguidores.

Menino-Homem disse...

Hugo,

quanta bondade estampada em seu coração, isso é muito bonito de ler e refletir... na realidade, vivencio uma certa distância no relacionamento com meu pai... por falta de estímulos, já que ele sempre foi um pai "presente-ausente"... a presença da figura parterna - aquele que determina força e garra - configurou-se no semblante da minha mãe, que mesmo diante de adversidades e de uma separação, com dois filhos pequenos pra criar, deu a volta por cima, e mostrou a todos o que é ser "mulher-macho".

nos dias dos pais, assumo que sinto uma tristeza, mas nada que o riso da minha família possa curar...

abraços,
e cada vez mais vejo o quanto temos semelhanças... e isso é bom!

fica com Deus,
boa semana.

Majoli disse...

Hugo, me emocionei com sua história
e senti admiração por você, pela sua atitude em perdoar teu pai depois de tudo o que passou.
Beijos meus no teu coração.

[Farelos e Sílabas] disse...

===

A vida e seus quês para os quais nem todas as perguntas obtêm respostas! A vida deixará de existir em nós? Fato que não. Antes, pelo contrário, nos conduzirá para o exercício do bem viver. Bem que é o nosso próprio. Por isso amar pode ser um simples e ao mesmo tempo poderoso gesto, nem que seja no oferecimento de um perdão. A trajetória dele teve um fim antes do fim. Poderia ter sido melhor? Poderia ter aproveitado as oportunidades na vida para ser um pai presente? Poderia muitas outras coisas? Certo é que poderia. Mas o que é a vida senão uma trajetória nem sempre retilínea?

Você, meu amigo, constrói a sua. Lições não faltam para te conduzir por experiência própria a uma História com começo e meio antes do fim. O fim antes do fim é triste demais. É uma cortina fechada diante do palco aceso da Vida. Para isto ninguém nasceu...

Que bom que você está aqui revisitando sua História com coragem para fazer do presente o que o passado não lhe deu, exceto pela dignidade de uma mãe que eu percebo ter sido “pãe”.

Abraço longo!

===

pamella disse...

Meu pai ainda é vivo graças a Deus..mais muito ausente em minha vidaa..ele mora em vitoria da conquista..Mais está trabalhando em goias tem outra familia e veem mim vê de ano em anoo...rsrs
Poor isso sinto essa ausencia
falta conselhos de "pai"..Sinto muito pelo seu casoo...mais as pessoas so aprendem a da valoor dps q perde..talvés ele já estivesse arrependido de ter te renegaar esse tempo tdo!! Mais a vida continua olhe sempre pra frentee!Opinião dos outros as vezes naum valem nda!!
Bjiim

Saandra disse...

Hummm....acho q o que aconteceu com você pareçe um pouco com o que aconteceu comigo!Só que eu não tenho contato com meu pai.Digo ainda porquê possa ser que um dia eu possa precisar dele mas no momento não penso em procurá-lo,mas em 15 anos eu tive um pai que enxugava minhas lágrimas,e contava histórias para eu dormir...Foi a ele que eu desejei ontem Feliz dia dos pais!Vovô te amoO

Saandra disse...

Hummm....acho q o que aconteceu com você pareçe um pouco com o que aconteceu comigo!Só que eu não tenho contato com meu pai.Digo ainda porquê possa ser que um dia eu possa precisar dele mas no momento não penso em procurá-lo,mas em 15 anos eu tive um pai que enxugava minhas lágrimas,e contava histórias para eu dormir...Foi a ele que eu desejei ontem Feliz dia dos pais!Vovô te amoO