terça-feira, 28 de outubro de 2008

Eu, Você e a Vida


“Como posso ver o próximo, se estiver ocupado apenas de mim mesmo? (...) Como poderei compreender o medo, a tristeza, a solidão, a esperança, o amor – Se eu também não sentisse um medo, minha tristeza, solidão, esperança ou amor? – Estar no mundo significa estar ligado à vida e ao desenvolvimento de mim mesmo e de outros seres.”

(Erich Fromm)

13 comentários:

Serginho Tavares disse...

quem não pode ver o que está além de si não vive.
viver é olhar ao redor, para trás, para os lados...

beijos amigo

Thiago disse...

responsabilidade social!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Esse é o ideal de uma sociedade solidária. Infelizmente, no atual mundo pós-moderno, o narcisismo e o individualismo imperam.
O meu post dessa vez, Hugo, é sensual e erótico. Vou tirá-lo logo, então vá vê-lo. Fiz um poema sobre os meus seios. Só não pus a foto deles porque o meu amor me proibiu.
beijos,
Renata

bellinhatierre disse...

Guinho...

Seu blog tá cada vez mais interessante!

Obrigada pelo comentário lá no meu é uma pena mas o homem está perdendo a capacidade de "ser humano".

Amei o meme que vc respondeu também muito show!!Vc nunca deixa Garry de lado né??Tb, nunca canso de dizer que ele é liinnndooooo!!!

beijo!!

paula barros disse...

Olhar para si, olhar para o outro, olhar para o mundo. Ler o cotidiano. E transformá-lo em momentos para nós leitores e assim o ciclo continua. Lendo você, ler a nós, ler o outro, ler o mundo, ler a o cotidiano. Em busca de viver melhor, mas harmonizado.

Foi gosto lembrar de Erich Fromm.

abraços

Adoa disse...

Lindo!

O egoísmo é um dos males do Mundo... É um dos males de nós próprios...

Fernanda(Brisa Feliz) disse...

"Estar no mundo significa estar ligado à vida e ao desenvolvimento de mim mesmo e de outros seres.”

P_E_R_F_E_I_T_O!!!

Bjos de luz!

Pelos caminhos da vida. disse...

Não tolero pessoa egoista.

Obrigado pela visita amigo.

Bom dia.

beijooo.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Já comentei este teu ótimo post, Hugo e lhe fiz um convite, mas foi em vão. Fiz outro post hj, posso contar com a sua presença ou vc vai contrariar as próprias plavras que postou?
Beijos,
Renata

Bell Bastos disse...

Lindo.

Mello disse...

Gostei muito do post. Para ajudarmos os outros, temos primeiro que ajudar a nós próprios, caso contrário: os nossos problemas se juntam com os dos outros e juntos fazem naufragar o nosso navio. 1º Nós, Eu, depois o outro, caso contrário não há ajuda, mas sim desajuda...

Beijinhos,

Graça Mello

Layla Lauar disse...

perfeito este texto, pena que a maioria das pessoas só se importa com o que gira em torno do próprio umbigo...

(agradecida pela visita e pelo comentário mais do que gentil)

abraços

T disse...

arre!